Azul vende voos do Brasil para a China com escala em Lisboa

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img


 

As companhias brasileira Azul e chinesa Beijing Capital Airlines fecharam um acordo de interline que proporcionará aos clientes de ambas as empresas viagens mais rápidas e cómodas entre o Brasil e a China. A partir de agora, ambas passam a comercializar passagens de maneira conjunta para voos entre os países, com uma escala em Lisboa. As passagens já estão à venda em todos os canais de atendimento da Azul. A companhia aérea chinesa faz parte do Grupo HNA, investidor da Azul desde 2016.

“O interline com a Capital Airlines é uma inovação para a Azul e uma ótima opção para os Clientes que desejam viajar para a China de forma rápida e com um serviço de excelência. Com apenas uma conexão em Lisboa, tanto os clientes que partem do Brasil como os que vêm da China, conseguem chegar ao destino final rapidamente”, comenta Marcelo Bento, diretor de Alianças na Azul.

A Azul e a Beijing Capital Airlines, juntas, oferecem a partir do corrente mês de julho três voos semanais para os principais destinos no Brasil e na China. Os hubs da empresa chinesa localizam-se  em Hangzhou e Pequim, de onde partem voos para mais de 25 destinos. Já a Azul tem São Paulo/Viracopos e Belo Horizonte como centros de distribuição de voos. Somente nestes dois aeroportos, a companhia brasileira oferece mais de 200 ligações diárias para mais de 70 destinos brasileiros.

As companhias ainda aguardam aprovação do acordo de compartilhamento de códigos de voos (code-share), que passa por análise das autoridades brasileira e chinesa e deverá entrar em vigor em breve.

A Azul voa entre São Paulo/Viracopos e Lisboa com aviões Airbus A330-200, tal como a Beijing Capital Airlines, entre a capital portuguesa e a China. O primeiro voo Hangzhou-Pequim-Lisboa está marcado para o dia 25 de julho. Chegará a Portugal no dia seguinte.

 

  • Na imagem vemos um dos aviões A330-200 ao serviço da Azul Linhas Aéreas Brasileiras. Este aparelho esteve durante um ano ao serviço da TAP (CS-TOT), baseado em Lisboa. No mês passado voltou ao Brasil e no dia 1 de julho à frota da companhia brasileira, onde reassumiu as cores da empresa e a sua antiga matrícula. Foto © Maycon Jorge/www.gigaovivo.com.br

 

Faça parte da nossa comunidade - Descarrega já a app NewsAvia

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Mais passageiros transportados interilhas em Cabo Verde em março e abril deste ano

Os dois aviões fretados pela TACV, companhia aérea estatal...

Presidente da TAP defende que o Estado Português não deve privatizar totalmente a empresa

O presidente da TAP, Luís Rodrigues, defendeu que o...

Turbulência severa apanha B777 da Singapore Airlines e provoca um morto e 30 feridos

Um Boeing 777-300ER da Singapore Airlines enfrentou uma situação...