Bem-vindo, !|Sair

B737-700 da LAM sai de pista no Aeroporto de Nampula sob chuva torrencial

Um avião Boeing 737-700 da LAM – Linhas Aéreas de Moçambique saiu da pista após uma aterragem no Aeroporto de Nampula, no norte deste país africano, no passado sábado, dia 19 de dezembro.

A aeronave, registo C9-BAQ, fazia o voo TM156, de Maputo para Nampula, onde pousou pelas 19h00 locais. No final da pista 05, com cerca de 2.000 metros de comprimento, o B737-700 saiu para a área de segurança, onde ficou com o trem dianteiro imobilizado numa zona de segurança, após as luzes de sinalização. Não se registaram feridos. Quanto a prejuízos materiais, não eram visíveis no aparelho. Apenas algumas luzes de sinalização da pista destruídas, refere o site ‘Aeroinside.com’, que noticia incidentes com aviões civis.

Os passageiros saíram do avião através de escadas móveis e sob chuva torrencial e seguiram a pé para o terminal do aeroporto. Esta decisão da companhia e das autoridades aeroportuárias foi bastante contestada pelos passageiros, dada a ausência de autocarros que pudessem proporcionar um melhor conforto a todos, já que tiveram de atravessar a pé cerca de um quilómetro e meio de extensão, com os seus haveres, sem protecção da chuva torrencial que se fazia sentir.

Depois de verificado pelos serviços de manutenção da LAM, o avião que sofreu o incidente retomou viagem para Maputo, três horas depois do incidente.

Cerca de 24 horas depois do incidente a LAM na sua página de Facebook confirmou o incidente com o B737-700 C9-BAQ e afirmou que o avião experimentou dificuldades na travagem após o pouso no Aeroporto de Nampula, devido à forte chuva que caia e que terá provocado, segundo a LAM, uma situação de ‘acquaplaning’ que arrastou o trem de nariz até à zona de segurança da cabeceira da pista.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica