B757-200 da Titan Airways aterra nesta quinta-feira na ilha de Santa Helena

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

Um Boeing 757-200 da companhia britânica Titan Airways, matrícula G-ZAPX, descolou na manhã desta quarta-feira, dia 29 de julho, do Aeroporto de Londres/Stansted, em direção a Santa Helena, uma pequena ilha que está integrada numa possessão ultramarina do Reino Unido no Atlântico Sul, denominada ‘Santa Helena, Ascensão e Tristão da Cunha’, frente à costa de Angola.

O avião, que realiza um voo humanitário, para transporte de equipamentos hospitalares e materiais farmacêuticos e com alguns passageiros, deverá aterrar na ilha britânica na manhã desta quinta-feira, dia 30 de julho, e depois de uma escala para reabastecimento em Las Palmas (LPA) na ilha de Grã Canária, no arquipélago das Canárias, e outra escala para pernoita e descanso da tripulação na ilha Ascensão (ASI), onde aterrou pelas 18h15 UTC desta quarta-feira. A partida de Ascensão está prevista para as 10h50 UTC de quinta-feira. A chegada a Santa Helena (HLE) está dependente do estado dos ventos, mas deverá acontecer dentro de uma hora após a descolagem.

Trata-se da primeira vez que um avião de tão grande dimensão utiliza o aeroporto da pequena ilha, descoberta pelos Portugueses em 1501, e que se tornou conhecida por ter sido o local para onde foi deportado o ex-imperador francês Napoleão Bonaparte, em 1815. O acontecimento está a ser aguardado com grande expectativa pelos habitantes da ilha, que nunca assistiram à chegada de um avião maior que um A318.

O Aeroporto de Santa Helena tem características especiais, muito à semelhança do que se passa na ilha da Madeira, em Portugal, devido aos ventos cruzados sobre a pista de aterragem, questão que é agravada no caso da ilha britânica pelo facto de ter uma pista pequena que foi construída sobre uma montanha. Até antes da pandemia os voos para a ilha eram assegurados pela companhia sul-africana SA AirLink, com um Embraer 190 IGW, que desde 2017, passou a ser a única empresa de transporte aéreo que opera comercialmente para Santa Helena (LINK notícia relacionada), mas com origem na República da África do Sul.

No passado mês de abril um avião Airbus A318 da Titan Airways fez um voo humanitário entre Londres e Santa Helena, tendo sido o primeiro voo comercial a chegar da Europa. Desta vez, novamente um voo que partiu da Europa, mas com um avião manifestamente maior que, segundo, as autoridades britânicas poderá servir de teste para uma futura operação regular.

Quando foi aberto o aeroporto, em 2016, foi constituída uma empresa aérea que tinha precisamente por intenção explorar os voos entre a Grã-Bretanha e Santa Helena, através do aluguer de aviões, mas que devido às dificuldades de operação no aeroporto viu as suas pretensões adiadas.

 

  • Notícia em desenvolvimento – corrigida e atualizada às 20h00 UTC de 29 de julho de 2020

 

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Pilotos da TACV – Cabo Verde Airlines marcam greve de cinco dias entre 25 e 29 de abril

O Sindicato Nacional dos Pilotos da Aviação Civil (SNPAC)...

Luís Rodrigues completa primeiro ano à frente da TAP marcado por lucro recorde

O presidente da TAP, Luís Rodrigues, completa neste domingo,...

Presidente da SATA demitiu-se por falta de “condições” para continuar o “projeto proposto”

A Comissão de Trabalhadores da companhia aérea portuguesa Azores...

FAP terminou missão de patrulhamento no Golfo da Guiné em cooperação com países lusófonos

Os militares Força Aérea Portuguesa (FAP) da Esquadra 601...