Binter suspende voos para a Península Ibérica incluindo Lisboa

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

A companhia espanhola Binter, com sede Comunidade Autónoma das Canárias, suspende na próxima semana, os voos para Portugal, que se realizavam duas vezes por semana para o Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, à partida dos Aeroportos de Las Palmas (ilha de Grã Canária) e de Tenerife Norte/La Laguna (ilha de Tenerife).

Estes voos tinham sido retomados no passado dia 11 de agosto, depois de uma paragem forçada de cinco meses, devido à pandemia de covid-19 (LINK notícia relacionada).

Esta nova paragem está novamente relacionada com a pandemia de covid-19, e resulta das restrições nas acessibilidades aeroportuárias e inter-regionais pelos diversos governos autónomos e os confinamentos decretados no território peninsular (incluindo Espanha e Portugal), que vinculam as movimentações de cidadãos apenas a motivos laborais e de saúde.

Por tais razões a Binter viu-se obrigada a suspender durante as próximas três semanas os voos das Canárias para: Jérez, Múrcia, Oviedo, Pamplona, Santander, Saragoça e Vitoria, em Espanha; e para Lisboa, em Portugal. Todos estes voos estão a ser feitos com aviões Embraer E195-E2 (imagem de abertura).

Contudo, há duas exceções. A companhia manterá os voos das Canárias para Palma de Maiorca, nas Ilhas Baleares, e para Vigo, na Galiza, no norte de Espanha.

A companhia estima que a suspensão destas rotas para a Península pelo período de três semanas representa o cancelamento de cerca de 80 voos.

Binter assegurará voos inter-insulares no arquipélago da Madeira

Uma porta-voz da companhia disse ao ‘Newsavia’, que, não obstante as restrições impostas na Península Ibérica, irão manter-se, no corrente mês de novembro, os voos entre os arquipélagos das Canárias e da Madeira. Os voos de Las Palmas para a ilha da Madeira, programados com três frequências semanais, fornecem equipamento e tripulantes que asseguram depois os voos inter-insulares no arquipélago português (Madeira-Porto Santo), onde a companhia espanhola tem a responsabilidade das ligações regulares, um contrato com obrigações de serviço público, ganho pela Binter em maio de 2018.

Na primeira vaga da pandemia, os voos entre as ilhas da Madeira e do Porto Santo foram interrompidos no dia 17 de março, tendo sido retomados no dia 1 de junho.

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Pilotos da TACV – Cabo Verde Airlines marcam greve de cinco dias entre 25 e 29 de abril

O Sindicato Nacional dos Pilotos da Aviação Civil (SNPAC)...

Luís Rodrigues completa primeiro ano à frente da TAP marcado por lucro recorde

O presidente da TAP, Luís Rodrigues, completa neste domingo,...

Presidente da SATA demitiu-se por falta de “condições” para continuar o “projeto proposto”

A Comissão de Trabalhadores da companhia aérea portuguesa Azores...

FAP terminou missão de patrulhamento no Golfo da Guiné em cooperação com países lusófonos

Os militares Força Aérea Portuguesa (FAP) da Esquadra 601...