Bem-vindo, !|Sair

Bombardier Aerospace pretende aumentar vendas de aviões em África

A Bombardier Aerospace continua muito empenhada em aumentar as vendas dos seus aparelhos no continente africano, onde hoje desfruta de uma posição interessante, de consecutivo crescimento nos últimos anos.

Actualmente estão ao serviço de companhias africanas mais de 160 aeronaves Dash8/Q-Series e CRJ, distribuídas por 40 operadores e empresas de leasing de aviões em 20 países.

Os executivos da Bombardier Aerospace esperam, nos próximos anos, colocar mais alguns turbo-propulsores Q400 e jactos CRJ NextGeneration, especialmente indicados para o transporte regional e para as rotas de menor densidade de tráfego.

Na semana passada durante a conferência anual da Routes Africa, em Victoria Falls, no Zimbabué, o director-geral de vendas da Bombardier para a África fez questão de entregar uma miniatura do novo avião CSeries da construtora, um tipo de aeronave construída para o transporte de passageiros em regime de baixo custo e configurada para até cerca de uma centena de passageiros, a Aaron Munetsi, responsável da South African Airways (SAA) para a África e Médio Oriente. Uma maneira de manifestar o interesse dos canadianos em acompanhar a renovação dos equipamentos da frota da maior companhia da África Austral, no segmento regional. Para alguns observadores, o gesto foi tudo: já devem estar a decorrer conversações para colocar os CSeries na África do Sul. Mas em concreto, diz a Bombardier, apenas uma lembrança de que estará um excelente produto no mercado dentro de poucos meses.

 

  • Aaron Munetsi, da SAA, no momento em que recebia a miniatura do avião de fabrico canadiano. Foto: Routes Africa

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica