Bombardier anuncia cortes na produção dos Global 5000 e 6000

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

Preços agressivos da concorrência e enfraquecimento da procura nos mercados emergentes levaram a Bombardier a reduzir as entregas de jactos executivos Global 5000 e 6000, apenas dois anos após a entrada em produção em série de 80 aviões por ano. À medida que for reduzindo os níveis de produção destes jactos executivos de longo alcance, nos próximos 12 a 18 meses, também está a traçar o calendário para as entregas dos primeiros Global 7000 e 8000 certificados, inicialmente previstas para 2016 e 2018, respectivamente.

O calendário inicial de entrega do Global 7000 apontava para três anos após a entrada ao serviço do primeiro CS100, mas os atrasos nos CSeries levou a uma sobreposição do programa de jactos executivos. Em 2013, a Bombardier respondeu ao aumento da procura, aumento os ritmos de produção em 60%, com entregas a aumentar, de 50 para cerca de 80, em 2014. Mas as vendas enfraqueceram na Rússia, China e América Latina.

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Companhia nacional do Reino do Butão adquire cinco aviões da família Airbus A320

A Drukair – Royal Bhutan Airlines, companhia aérea de...

Pilotos da TACV convocados para reunião com o Governo de Cabo Verde na próxima quarta-feira

A Direção Geral do Trabalho (DGT) da República de...

Emirates volta a recrutar tripulantes de cabina em Portugal – Entrevistas decorrem nesta semana

A Emirates está a organizar ‘Open Days’, novamente em...