Bem-vindo, !|Sair

Começa amanhã a incrível odisseia do Solar Impulse! #futureisclean

O Solar Impulse parte amanhã, dia 9 de Março,  às 7h30, horas de Abu Dhabi, Dubai,  para a primeira volta ao mundo num voo alimentado cem por cento a energia solar. Esta aventura dá o mote ao movimento “Future is Clean” que pretende angariar apoios em todo o mundo para a utilização de energia limpa.

 

20110411_06_3emeVolTests_MerzFred_thumb
Os pilotos, exploradores e fundadores suíços do Solar Impulse, Bertrand Piccard e André Borschberg não quiseram deixar de afirmar que “os governos só se sentirão pressionados a substituir tecnologias poluentes por outras quando os apoios foram significativos”. “Se existem soluções tecnológicas para voar um avião noite e dia sem o recurso a combustível, imaginem o potencial das mesmas no nosso dia-a-dia, tanto na poupança de energia como na redução de emissões de CO2”, acrescentaram.

 

20110525_Bruxelles_sortieavionBRU_hd_Jrevillard-4_thumb
A plataforma www.FutureIsClean.org foi criada com a ajuda do Google, parceiro tecnológico do Solar Impulse e tem como objetivo mobilizar indivíduos, organizações, celebridades e políticos para o debate sobre as alterações climáticas que terá lugar em Paris em Dezembro deste ano e que definirá o novo protocolo de Kyoto. Conseguir reunir a petição mais participada de sempre é a forma de pressão encontrada pela plataforma onde cada visitante é convidado a aderir à frase “I want concrete solutions for a clean future” (Quero soluções concretas para um futuro limpo).
A plataforma também está acessível no site www-solarimpulse.com, morada onde é possível igualmente acompanhar a viagem, etapa a etapa e a vida do piloto a bordo da aeronave, bem como os diálogos com o centro de controlo da missão situado no Mónaco. Da mesma forma, um cockpit virtual permite saber a altitude, velocidade, nível de carga das baterias, equipamento utilizado a bordo, entre muitas outras informações.
O Solar Impulse 2 tem 72 m2 de envergadura (maior do que um Boeing 747) para um peso de apenas 2300 quilos. As 17248 células solares permitem alimentar os motores de 17,5 cv de potência cada e carregar as baterias de 633 quilos cada, numa combinação que dá a esta aeronave uma autonomia virtualmente ilimitada.
O Solar Impulse terminará a sua viagem no final de Julho. Etapas: Muscat, Omã; Ahmedabad e Varanasi, Índia; Mandalay, Myanmar; Chongqing e Nanjing, China. Depois de atravessar o Oceano Pacífico via Havai, o Solar Impulse vai sobrevoar os EUA com paragens em Phoenix e em Nova Iorque, no aeroporto JFK. As pernas finais, já depois de transposto o Oceano Atlântico serão no sul da Europa ou no norte de África antes da aterragem final em Abu Dhabi.

 


 

Fotos e vídeos : © Solar Impulse | Revillard | Rezo.ch

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica