Comitiva governamental portuguesa teve reunião de trabalho com a Ryanair em Dublin

A secretária de Estado do Turismo de Portugal reuniu-se nesta quarta-feira, dia 21 de agosto com a Ryanair, em Dublin, na Irlanda, para debater “a competitividade” do aeroporto de Faro, nomeadamente com a manutenção da base, bem como alargar a presença da companhia aérea à Região Autónoma da Madeira, um processo que está a ser negociado desde há vários meses, e que entra agora numa fase que implica decisões rápidas de ambas as partes (LINK notícia relacionada).

Em declarações à agência de notícias portuguesa ‘Lusa’, Ana Mendes Godinho adiantou que o Governo está “a trabalhar para manter a competitividade do aeroporto de Faro/Algarve, no sul de Portugal, (LINK notícia relacionada) concretamente no inverno, e combater a sazonalidade, trabalhando com todas as companhias aéreas e criando as condições para que os aeroportos de Faro e do Funchal tenham capacidade de facto de manter a competitividade aérea ou até reforçar”, destacou.

A governante, que foi acompanhada na deslocação a Dublin pelo presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo, não deu mais novidades acerca de uma possível manutenção da base de Faro e dos 100 postos de trabalho em causa.

“Neste momento não tenho mais novidades que não sejam estas, de que estamos a avaliar a situação e com essa preocupação de manter ligações aéreas e aumentar as ligações aéreas para o Funchal e garantir a competitividade aérea de Faro no inverno”, salientou.

A governante disse ainda que não foi debatida a greve dos tripulantes, que se iniciou nesta quarta-feira, nem a situação dos trabalhadores de Faro.

Ana Mendes Godinho, questionada sobre uma possível abertura da Ryanair para manter a base, disse apenas que está “a trabalhar” para “que os aeroportos garantam competitividade”.

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica