Companhias cortam 55% da capacidade na rota Porto-Ponta Delgada

As companhias nacionais TAP Air Portugal e SATA Azores Airlines e a irlandesa Ryanair vão reduzir o número de frequências dos seus voos regulares nas rotas do Porto, no norte de Portugal, para Ponta Delgada, na ilha de São Miguel, Região Autónoma dos Açores, já a partir do dia 1 de outubro, refere nesta terça-feira, dia 29 de setembro, o jornal ‘Correio dos Açores’.

Vai haver uma redução de 20 voos semanais para nove, uma diminuição de onze voos, uma quebra de 55%. Deixa de haver voos entre Ponta Delgada e o Porto às terças e às quintas-feiras, explica o jornal.

O presidente da Câmara do Comércio e Indústria de Ponta Delgada, Mário Fortuna, disse ao ‘Correio dos Açores’ que esta redução de voos a partir do dia 1 de outubro “já era expectável” e que vai afectar, sobretudo, a conectividade do turismo nos Açores na medida em que há menos uma opção de viagem.

Mário Fortuna está expectante que esta situação se altere a partir do próximo Verão IATA e que, em março de 2021, as companhias aéreas retomem o número de voos que tinham no último Verão.

O dirigente empresarial considera que, na Região, já se deve começar a preparar o próximo Verão IATA e mostra-se confiante numa retoma de voos a partir de março entre Ponta Delgada e Porto. “Esperamos que as companhias aéreas retomem a assiduidade que tinham no Verão”, disse.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica