Bem-vindo, !|Sair

Delta já deixou de voar para Caracas – TAME vai abandonar a Venezuela

Lusoavia 1º Encontro Internacional de Aviação dos Países Lusofonos - Bilhetes Já disponíveisA Delta Air Lines realizou no sábado, dia 16 de setembro, o seu último voo da Venezuela para os Estados Unidos. A companhia norte-americana, tal como outras diversas transportadoras aéreas internacionais retira-se assim dos aeroportos venezuelanos, face à grave crise que assola o país, não só económica, mas também político-social, com um grau de insegurança muito alto.

No total são já nove companhias aéreas que deixaram de operar para Venezuela, nomeadamente a Aeroméxico, a Alitalia, a Avianca, a GOL – Linhas Aéreas Inteligentes e a Lufthansa.

Na semana passada algumas fontes latino-americanas revelaram que a TAME do Equador também deixará de voar para Caracas, aumentando o isolamento dos venezuelanos.

O último avião da Delta Air Lines a descolar do Aeroporto Internacional Simón Bolívar, em Maiquetia, com destino a Atlanta, ostentava numa das janelas do cockpit uma bandeira nacional da Venezuela e no terminal os tripulantes norte-americanos deixaram-se fotografar com cartazes onde se lia a frase “A Liberdade é o oxigénio da Alma. Esperamos regressar”.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica