Emirates devolve 1,7 mil milhões de euros aos passageiros impedidos de viajar

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

A Emirates concluiu um programa intensivo para responder aos pedidos de reembolso, causados pelas interrupções de viagens relacionadas com a pandemia de covid-19.

A companhia revelou que desde o passado mês de abril recebeu, validou e processou cerca de 1,7 milhões de solicitações de reembolso, tendo devolvido cerca de mil milhões de euros de reembolsos aos seus passageiros que fizeram reservas diretamente com a companhia aérea, e o restante foi devolvido através de agências de viagens.

Além disso, a Emirates geriu mais de 130.000 solicitações relacionadas com reembolsos a agências de viagens parceiras e fez alterações de estado em quase quatro milhões de vouchers de voo.

Para este projeto, a Emirates alocou mais de 110 funcionários dedicados à validação e processamento de reembolsos, um aumento significativo, em relação à equipa de 19 pessoas que trabalhava nesse sector antes da pandemia.

 

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Pilotos da TACV – Cabo Verde Airlines marcam greve de cinco dias entre 25 e 29 de abril

O Sindicato Nacional dos Pilotos da Aviação Civil (SNPAC)...

Luís Rodrigues completa primeiro ano à frente da TAP marcado por lucro recorde

O presidente da TAP, Luís Rodrigues, completa neste domingo,...

Presidente da SATA demitiu-se por falta de “condições” para continuar o “projeto proposto”

A Comissão de Trabalhadores da companhia aérea portuguesa Azores...

FAP terminou missão de patrulhamento no Golfo da Guiné em cooperação com países lusófonos

Os militares Força Aérea Portuguesa (FAP) da Esquadra 601...