Emirates recruta 3.000 tripulantes de cabina e 500 agentes aeroportuários

A Emirates, considerada uma das mais destacadas companhias de aviação comercial global do mundo, anunciou nesta quinta-feira, dia 16 de setembro, que iniciou uma campanha mundial para recrutar três mil tripulantes de cabina e 500 empregados dos serviços aeroportuários para se juntarem ao seu hub do Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, durante os próximos seis meses.

A Emirates tem gradualmente restaurado as suas operações de rede em linha com a flexibilização das restrições de viagem em todo o mundo e, nos últimos meses, tem chamados pilotos, tripulantes de cabina e outros funcionários operacionais que foram demitidos ou suspensos quando a pandemia forçou uma redução drástica dos voos no ano passado. Entre os que foram convidados para reapresentarem candidaturas encontram-se diversos portugueses, nomeadamente comandantes, pilotos e tripulantes de cabina, que tinham sido dispensados no início de 2020.

A companhia aérea árabe voa atualmente para mais de 120 cidades, representando 90% da sua rede pré-pandémica, e planeia restaurar 70% da sua capacidade até ao final do ano, incluindo o regresso dos aviões Airbus A380 para o serviço ativo.

Os cerca de três mil assistentes de bordo e 500 funcionários para funções em terra que a Emirates necessita admitir nos próximos meses ficarão baseados na cidade do Dubai e exercerão funções de primeira linha voltadas para o cliente.

Os interessados – o recrutamento é feito de forma global, com admissão de profissionais de diversas nacionalidades e latitudes geográficas – podem saber mais sobre os requisitos do trabalho e as funções a desempenhar e apresentar a sua candidatura através do site da companhia, na página dedicada a ‘Carreiras’ (Careers) ou através deste LINK.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica