Espanha aprova empréstimo de 475 milhões à Air Europa

O Governo de Espanha aprovou na quarta-feira, dia 4 de novembro, um empréstimo de 475 milhões de euros à Air Europa, companhia aérea do Grupo Globalia, para viabilizar a sua aquisição pelo IAG, grupo liderado pela British Airways, que já tem em Espanha a Iberia, a Iberia Express e a Vueling.

A decisão governamental inclui um empréstimo garantido por ações de 240 milhões de euros e um empréstimo regular de 235 milhões de euros, disse em conferência de imprensa a porta-voz do Governo, Maria Jesus Montero, citada na imprensa internacional.

A Air Europa terá o prazo máximo de seis anos para pagar o empréstimo e o Governo poderá nomear dois diretores e propor o presidente executivo (CEO).

A porta-voz do governo justificou o empréstimo dizendo que “a Air Europa é a segunda companhia aérea em Espanha e está presente em 130 aeroportos em 60 países”, sendo “uma empresa estratégica que presta um serviço essencial” e que “perdeu 95% da sua atividade” devido à crise provocada pela disseminação do novo coronavírus.

Mas na realidade, e presentemente, “a Air Europa é apenas a terceira maior companhia espanhola, com 19,015 milhões de passageiros nos aeroportos espanhóis em 2019, depois da Vueling, com 42,716 milhões, e da Iberia, com 20,641 milhões”, alerta a agência de notícias de turismo e viagens ‘PressTUR’.

A Air Europa é a primeira empresa privada a aceder ao fundo de resgate de empresas estratégicas criado pela SEPI (Sociedad Estatal de Participaciones Industriales), holding das participações estatais de Espanha.

O empréstimo foi aprovado em Conselho de Ministros em Espanha e terá ainda que ser aprovado pela Comissão Europeia.

O IAG, que chegou a acordo para comprar a Air Europa por um milhão de euros em novembro do ano passado, revelou na semana passada que mantém o interesse, mas vai rever em baixa o preço que está disposto a pagar por essa aquisição.

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica