Eurowings Discover terá voo regular entre Frankfurt e o Kruger Park, na África do Sul

A companhia alemã Eurowings Discover, integrada no Grupo Lufthansa, anunciou que vai alargar a sua rede africana a um destino exclusivo: o mundialmente famoso Parque Nacional Kruger (denominado internacionalmente por ‘Kruger Park’), na República da África do Sul.

A nova rota, que será a primeira da companhia para a África do Sul, será servida com três voos semanais, com partida da cidade de Frankfurt, com início marcado para meados do mês de novembro. As viagens serão feitas com aviões Airbus A330, que farão uma escala intermédia no Aeroporto de Windhoek, na Namíbia, no sudoeste africano.

“Estamos muito entusiasmados por estarmos a iniciar voos regulares para a grande região do Parque Nacional Kruger como a primeira companhia aérea intercontinental de sempre”, comenta Helmut Woelfel, diretor comercial da Eurowings Discover, numa declaração veiculada num comunicado de imprensa distribuído pela empresa aérea. “Não só é um destino verdadeiramente único, como também marca o primeiro destino sul-africano na nossa carteira, sendo desnecessário salientar a atractividade e popularidade da África do Sul entre os veraneantes europeus”.

Embora o aeroporto se chame Aeroporto Internacional Kruger Mpumalanga, não se encontra dentro dos limites do Parque Nacional Kruger: o aeroporto está localizado a cerca de 20 quilómetros a nordeste de Mbombela, capital da província de Mpumalanga, com ligações através de estradas asfaltadas aos portões de entrada do Parque Nacional Kruger. O departamento comercial dos aeroportos utiliza o KMI e KMIA como abreviaturas, mas os códigos IATA/ICAO são MQP/FAKN.

Para além do Aeroporto Internacional Kruger Mpumalanga, a província de Mpumalanga tem dois outros aeroportos. A sudoeste da capital Mbombela situa-se o Aeroporto de Nelspruit, um aeroporto utilizado especialmente pela aviação geral com o nome anterior de Mbombela. Os códigos do aeroporto de Nelspruit são NLP/FANS. Um terceiro aeroporto na província de Mpumalanga é o Aeroporto de Skukuza (SZK/FASZ). Skukuza é o único aeroporto dentro do Parque Nacional Kruger. Antes da abertura do Aeroporto Internacional Kruger Mpumalanga MQP em 2001, tanto Nelspruit NLP como Skukuza SZK tinham ligações diárias a Joanesburgo, Cidade do Cabo e Maputo (Moçambique). Atualmente, o Aeroporto de Skukuza tem operações muito limitadas: um voo diário da Airlink de e para Joanesburgo, slots limitados no máximo a 20 movimentos por dia, e funciona apenas entre as nove e as 15 horas).

Na fronteira ocidental do Parque Nacional Kruger, os turistas podem relaxar em luxuosos alojamentos de caça privados. Os mais conhecidos são a Reserva de Caça Sabie Sands, a Reserva de Caça MalaMala e Timbavati. Estas reservas de caça não têm vedação entre elas e o Parque Kruger, garantindo assim uma óptima experiência de safari. Estas reservas de caça privadas também têm uma pista de aterragem, algumas delas mesmo com um serviço regular: a Federal Air, por exemplo, liga diariamente Joanesburgo à pista da reserva de MalaMala com um aviões Beech B1900 ou King Air B200. A ligação por helicóptero a partir do Aeroporto Internacional Kruger Mpumalanga também é possível.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica