Finnair atrasa em dois anos a entrega de três aviões Airbus A350-900

A Finnair anunciou nesta sexta-feira, dia 6 de novembro, que concluiu um acordo com a fábrica europeia de aviões Airbus tendo em vista o adiamento das entregas das três aeronaves A350-900, restantes de uma encomenda de 19 aparelhos deste modelo, que começaram a a ser recebidas em outubro de 2015 (LINK notícia relacionada).

O acordo é parte das medidas decididas e anunciadas pela companhia aérea de bandeira da Finlândia para garantir que a empresa possa emergir dos nefastos efeitos da pandemia de covid-19 como uma companhia aérea forte.

As entregas da aeronaves estavam programadas originalmente para acontecerem entre o segundo trimestre de 2021 e o segundo trimestre de 2022. Com este acordo haverá um atraso de 24 meses sobre as datas inicialmente programadas.

Como resultado dos diferimentos, o fluxo de caixa da Finnair das atividades de investimento será de aproximadamente 200 milhões de euros menos em 2021.

“A Finnair tem estado em negociações intensas com todos os seus fornecedores durante este tempo de pandemia, procurando reduzir as despesas a fim de apoiar os planos de aumento quando o tráfego recuperar. Este acordo dar-nos-á mais flexibilidade para consolidar a frota existente de forma mais eficiente e melhorar o fluxo de caixa”, disse Christine Rovelli, vice-presidente da companhia responsável pelos sectores de finanças e de gestão de frota da Finnair.

A companhia finlandesa encomendou à Airbus um total de 19 aeronaves novas A350-900 XWB, das quais 16 já foram entregues.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica