Lufthansa transfere seis aviões B747-400 de Twente para Mojave – com vídeo

O primeiro dos seis aviões Boeing 747-400 da companhia alemã Lufthansa descolou do Aeroporto de Enschede Twente (ENS), nos Países Baixos, na passada terça-feira, dia 3 de novembro, com destino a Mojave, nos Estados Unidos da América, onde aterrou na madrugada desta quinta-feira, dia 5 de novembro.

O avião, matrícula D-ABVP, foi o primeiro B747-400 a ser retirado de serviço pela companhia alemã, em abril deste ano. Com mais outros cinco aviões do mesmo modelo foi armazenado no aeroporto de Enschede Twente, até ser decidido o destino final das aeronaves que, agora, já é conhecido: os seis aparelhos foram vendidos para sucata a uma empresa norte-americana, a GE Aviation Materials, que vai desmontá-los no denominado Porto Aéreo e Espacial do deserto de Mojave, nos EUA. Alguns instrumentos e partes poderão ser certificadas como peças de substituição e as restantes, sem utilidade posterior, serão recicladas.

Entretanto, no meio deste processo, surgiu um problema, no passado mês de outubro, que foi notícia na imprensa internacional, nomeadamente em portais especializados de notícias e nas redes sociais: os aviões não poderiam descolar de Enschede Twente porque o aeroporto não estava certificado para operar com aeronaves da dimensão dos B747-400 (LINK notícia relacionada).

A Lufthansa iniciou então negociações com as entidades aeroportuárias dos Países Baixos, que, juntamente com pilotos e técnicos da companhia alemã, criaram um plano de descolagem, com peso mínimo de combustível nos tanques, contudo adequado à descolagem da aeronave, para a saída do primeiro aparelho.

Pelo que agora sabemos, e que foi confirmado pela própria Lufthansa e pelo Aeroporto de Enschede Twente, tudo decorreu bem, e num vídeo que está disponível no canal ‘You Tube’, e que pode ser visto no final desta notícia, sabemos que teve sucesso.

O primeiro B747-400, que descolou do aeroporto holandês, já está no deserto de Mojave desde esta quinta-feira, dia 5 de novembro. Esteve 23 anos e sete meses a operar com as cores da Lufthansa. Fez o seu primeiro voo em 10 de fevereiro de 1997, tendo sido entregue à companhia alemã no dia 25 do mesmo mês. Estava configurado para transportar um total de 393 passageiros, em três classes.

A aeronave descolou no dia 3 de novembro às 16h28 locais de Twente, como voo LH9871, e pousou às 17h04 em Frankfurt, na Alemanha, onde pernoitou e foi reabastecido. No dia seguinte levantou voo para a sua viagem final. Saiu da cidade alemã pelas 12h05 com destino a Mojave (voo LH9872). Chegou na madrugada desta quinta-feira, dia 5, depois de uma escala para reabastecimento no Aeroporto de Bangor, no norte dos EUA.

 

  • A seguir pode ser visto o vídeo da descolagem do B747-400, matrícula D-ABVP, de Twente, sendo visível que os pilotos procuraram libertar-se da pista no mais rápido espaço de tempo. E com sucesso. Igual procedimento será utilizado nas próximas semanas para a retirada dos restantes cinco aviões do mesmo modelo que ainda estão armazenados no aeroporto holandês.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica