Bem-vindo, !|Sair

Greve na Lufthansa chega ao fim – Mais 941 voos cancelados

A greve dos comissários de bordo da Lufthansa chega nesta sexta-feira, 13 de novembro, ao último dia. Amanhã, sábado, o movimento de escalas da companhia alemã será normal, e os voos previstos deverão decorrer como programado.

Em Portugal, nesta sexta-feira foram cancelados oito voos agendados para o Aeroporto Internacional de Lisboa, de acordo com a informação publicada no ‘site’ da ANA Aeroportos de Portugal. Não se realizarão quatro voos com partida do aeroporto da Portela, em Lisboa, com destino a Frankfurt e Munique e outros quatro provenientes daquelas duas cidades alemãs para a capital portuguesa.

No Brasil o movimento de voos da Lufthansa foi suspenso desde o início da semana e só deverá ser retomado neste sábado, dia 14, com voos para São Paulo e Rio de Janeiro, cumprindo-se os horários programados à partida dos aeroportos alemães.

Para o Aeroporto Internacional 4 de Setembro, em Luanda, capital de Angola, os voos estiveram também suspensos e serão retomados na próxima semana. A Lufthansa tem procurado solucionar os passageiros com voos marcados fazendo-os seguir em voos de outras companhias da Star Alliance que escalam Luanda.

O sexto e último dia de greve do pessoal de cabina da Lufthansa vai forçar ao cancelamento de 941 voos internacionais, com partida ou chegada nos aeroportos de Frankfurt, Dusseldorfe e Munique, afetando 110.900 mil passageiros, informou a companhia aérea alemã no seu ‘site’ oficial.

O sindicato UFO, que representa a maioria dos 19 mil tripulantes de cabine da Lufthansa, encontra-se em divergência com a administração da companhia aérea sobre questões salariais, na proteção contra despedimentos e quanto a reformas e pré-reformas.

Desde o início da greve, há uma semana, foram cancelados mais de 4.600 voos, deixando 553.900 mil passageiros em terra.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica