João Pedro Duarte eleito representante dos trabalhadores na Administração da TAP

O tripulante de cabina João Pedro da Conceição Duarte foi eleito nesta quinta-feira, dia 3 de junho, para o lugar de administrador não executivo da TAP SGPS, em representação dos trabalhadores do grupo de aviação comercial português, que inclui duas companhias aéreas – a TAP Air Portugal e a Portugália Airlines – e ainda uma empresa de catering e uma participação minoritária na empresa de handling SPdH/GroundForce Portugal, entre outras empresas relacionadas com o sector aeronáutico.

A eleição teve uma participação de 46,57% dos trabalhadores com direito a voto, tendo João Duarte obtido 42,51% do total dos votos, segundo notícia divulgada na manhã desta sexta-feira, dia 4 de junho, pela agência ‘Lusa’.

Em Lisboa, também nesta sexta-feira, o Ministério das Infraestruturas e Habitação (MIH), que tutela o Grupo TAP, disse em comunicado que a eleição de um representante dos trabalhadores para o Conselho de Administração da TAP permitirá “ouvir mais de perto a [sua] voz”.

A tutela governamental, que convidou os sindicatos a elegerem um representante para o Conselho de Administração, “congratula-se com a forma exemplar e participada como decorreu o processo de escolha do representante dos trabalhadores do grupo TAP para o futuro Conselho de Administração”, refere o comunicado de imprensa.

De acordo com o ministério, “a eleição deste administrador não executivo permitirá aos trabalhadores serem parte das decisões que se tomam na empresa, acompanhando mais de perto tanto dos seus sucessos como das suas dificuldades”.

“Ao mesmo tempo”, continua o Governo, esta eleição “permitirá ao Conselho de Administração ouvir mais de perto a voz dos trabalhadores e avaliar de forma mais informada o impacto que as decisões tomadas têm na forma de trabalhar dos milhares de pessoas que fazem, todos os dias, a vida do grupo TAP”.

O ministério saúda também “o candidato vencedor João Pedro da Conceição Duarte, que será indicado pelo acionista Estado como administrador não executivo da TAP SGPS e proposto para eleição na assembleia-geral da TAP SGPS, marcada para 24 de junho, que designará os órgãos sociais para o próximo mandato”.

O Governo remata com “uma palavra de reconhecimento também aos restantes candidatos a esta eleição, pela sua disponibilidade para trabalhar em prol do sucesso da companhia aérea nacional e a todos os trabalhadores que participaram nesta escolha”.

Eleito trabalha na TAP desde 1992

João Pedro da Conceição Duarte é chefe de cabina, trabalhador na TAP desde 1992, e candidatou-se a representante dos trabalhadores por considerar que esta eleição “é uma oportunidade única e não deve ser desperdiçada em prol daquilo que é o interesse de todos os trabalhadores”, segundo referiu na apresentação da sua candidatura.

“Vivemos tempos difíceis, enfrentámos desafios que nunca esperámos, vimos acontecer coisas que não deviam ter acontecido, ouvimos dizer coisas que não deveriam ter sido ditas. Lemos coisas que não deveriam ter sido escritas. Daqui para a frente é preciso valorizar mais o papel dos trabalhadores com mais respeito, dignidade e equidade”, disse.

Na apresentação da sua candidatura, João Pedro Duarte considera que, “apesar de não ser fácil, é possível mudar alguma coisa”, referindo que tinha “sinais e apoio nesse sentido” e manifestando confiança na TAP enquanto “uma companhia de excelência” e nos seus trabalhadores, “que contribuem diariamente com o seu empenho e dedicação”.

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica