Bem-vindo, !|Sair

Noite de glamour e de emoção na celebração dos 105 anos do Aero Club de Portugal

O mais antigo e prestigiado aeroclube português, o Aero Club de Portugal (AeCP), realizou no passado sábado, dia 13 de Dezembro, um jantar de gala no Centro Cultural de Belém, em Lisboa, cidade capital portuguesa, com o qual celebrou o seu centésimo quinto aniversário. Momento de festa também com a apresentação de um bem escolhido programa de entretenimento, mas, sobretudo, de prestígio e emoção, aquando da entrega dos mais importantes prémios aeronáuticos outorgados em Portugal.

Cerimónia 105 anos AeCP

Neste evento, o Aero Club de Portugal reuniu entidades civis, militares, sócios e seus familiares, numa sala que respirava aeronáutica, na comemoração de uma efeméride de grande significado. São 105 anos, quase tanto tempo quanto o tempo da aviação civil em Portugal, como referiu o general Avelar de Sousa, que no seu discurso de boas vindas mostrou satisfação por ter, mais uma vez, a sala cheia de personalidades de diversos quadrantes que, com as suas famílias, abrilhantaram a noite.

O presidente da Assembleia Geral do AeCP abordou, em seguida, o que disse ser “uma navegação feita em mares difíceis”, pelo Aeroclube, nos últimos anos de crise vivida no País, e vincou o excelente trabalho que está a ser efectuado pela actual direcção, juntamente com os sócios, ultrapassando as dificuldades que a conjuntura actual coloca, e antecipou tempos de sucesso.

 

 

A primeira cerimónia da noite, logo a seguir à actuação de um coro Gospel foi a entrega da Medalha de Mérito Municipal da cidade de Lisboa, Grau de Ouro, ao Aero Club de Portugal.

Medalha Ouro

 

A distinção foi entregue pelo vereador do Desporto da Câmara Municipal de Lisboa, Dr. Jorge Máximo ao Presidente do Aeroclube de Portugal, Luís Krug, que agradeceu em nome da direcção e dos sócios a prestigiante escolha, pelo trabalho dos 105 anos do Aeroclube em prol do desenvolvimento da aeronáutica na Região de Lisboa.

 

Cerimónia 105 anos AeCP

Presidente do Aero Club de Portugal, Luís Krug

 

Após o jantar de gala e depois de mais um belo momento de entretenimento com a actuação de um virtuoso duo de fado, os presentes e demais sócios agraciaram os vencedores da noite nos vários prémios que foram atribuídos, premiando a sua actividade durante o ano, numa noite animada e por vezes emotiva, bem conduzida pelo anfitrião, o vice-presidente do Aero Club, Francisco Nunes.

As homenagens a individualidades ligadas à aeronáutica, bem como ao reconhecimento público de diversos sócios com a categoria de sócios honorários e sócios beneméritos, sucederam-se designadamente ao actor Nicolau Breyner, ao advogado Luís Laureano Santos, aos coronéis Manuel e Francisco Barão da Cunha (filhos do fundador e primeiro Director da ‘Revista do Ar’).

Foram ainda entregas asas e meias asas aos alunos que finalizaram os cursos e que foram lançados pela primeira vez no Aero Club neste ano de 2014.

 

Mas o momento da noite foi, sem dúvida, a homenagem que o aeroclube fez ao vencedor do Prémio Aero Club de Portugal 2014.

O prémio foi apresentado através de um vídeo que apresentava os melhores momentos da carreira de 60 anos de José Fernando Marin de Castro,  Piloto instrutor reformado do Aero Club, com 26 mil horas de voo e mais de 50 mil aterragens, acumuladoas numa longa carreira militar e comercial.

 José Fernando Marin de Castro, que recebeu uma merecida ovação de pé que durou vários minutos, que o deixou muito emocionado e agradecido.

Cerimónia 105 anos AeCP




 

Leilão do Exemplar Nº 105 da ‘Revista do Ar’

Antes da cerimónia de entrega de prémios foi leiloada a edição nº105 da ‘Revista do Ar’, num gesto simbólico de recolha de fundos, que foi arrematada pelo presidente do Instituto Nacional de Aviação de Portugal (INAC), Luís Trindade Santos.

Cerimónia 105 anos AeCP

Nas palavras dirigidas pelo presidente do INAC, foi lembrado que estamos no ano das celebrações dos 100 anos da aviação comercial, cujos voos se iniciaram a 1 de Janeiro de 1914, entre Tampa e São Petersburgo, nos Estados Unidos da América, quando o Prefeito de São Petersburgo, Abram Phell, pagou uns exorbitantes 450 dólares pelo percurso, num hidroavião ‘Benoist XIV’ de dois lugares.

 

Cerimónia 105 anos AeCP

“Como este jantar é também um momento especial para o Aero Club de Portugal, faço questão que o aeroclube fique com a revista em casa, e que a possa guardar por mais 100 anos”, referiu Luís Trindade Santos aqui na foto.

 


 

Os premiados da noite

 

Taça Luís Noronha – Vencedor : Pedro Victor

Intitulada em 1955 como ‘Taça Luís de Noronha’, era atribuída ao piloto de avião que tivesse totalizado o maior número de quilómetros, em homenagem ao primeiro português que em França obteve o primeiro brevet de piloto aviador civil e militar. A Taça Luís de Noronha foi atribuída em 2014 ao aluno com a melhor média do conjunto dos três exames teóricos do INAC, I.P. das turmas de 2013 e 2014, tanto de PPA como de PP, pretendendo-se que sirva de incentivo a todos os alunos do AeCP.

 

 

Taça Sanches de Castro – Vencedor : Carlos André da Silva Rodrigues

Intitulada em 1955 como ‘Taça Sanches de Castro’, pretendeu-se prestar homenagem ao primeiro piloto português que realizou um voo em Portugal, pilotando um avião de modelo ‘Antoinette’. A Taça Sanches de Castro foi atribuída ao piloto, sócio do AeCP, com o maior número de horas voadas no clube em cada ano civil entre 1 de Janeiro e 30 de Novembro.

 

Prémio Barão da Cunha

Vencedor: Mário Fernandes com o artigo “ Pela segunda vez no Rallye Toulouse – St. Louis du Sénégal”

1ª Menção Honrosa: Dr. Henriques Mateus com o artigo “Relembrado os 100 anos da avião militar”

2ª Menção Honrosa: Nuno Gonçalo Magalhães com o artigo “A inevitabilidade dos Drones”

 

Intitulado como ‘Prémio Barão da Cunha’, existiu outrora como prémio literário, em homenagem ao Fundador e Primeiro Director da ‘Revista do Ar’. O Prémio Barão da Cunha, recreado pela actual Direcção do AeCP, foi atribuído ao melhor artigo publicado nas edições de 2013 e 2014 (n.os 619 a 622) da ‘Revista do Ar’, a mais antiga publicação aeronáutica em circulação, desde 1937.

 

Taça João Gouveia – Vencedor Abel Fernando

Intitulada em 1955 como ‘Taça João Gouveia’, foi criada em homenagem ao pioneiro do aeromodelismo nacional. A Taça João Gouveia foi atribuída ao aeromodelista com as melhores classificações nos campeonatos de 2014, por indicação da Federação Portuguesa de Aeromodelismo e contou com o patrocínio de ANA – Aeroportos de Portugal, SA.

 

 

Diploma Paul Tissandier entregue a Paulo Gomes Branco

(actual Presidente da Mesa da Assembleia Geral da Federação Portuguesa de Voo Livre)

 

Enquanto Membro e Representante da Federação Aeronáutica Internacional (FAI), compete ao Aero Club de Portugal propor, anualmente, individualidades nacionais que se destaquem no mundo dos desportos aeronáuticos e que se possam habilitar a receber o Diploma Paul Tissandier, expressamente criado pela FAI para esse efeito.


Outros momentos da noite – Foto Reportagem por André Garcez para a NewsAvia

 

Cerimónia 105 anos AeCPCerimónia 105 anos AeCP Cerimónia 105 anos AeCP Cerimónia 105 anos AeCP

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica