Nova esquadra de voo da Força Aérea Portuguesa instalada em Beja

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

A Força Aérea Portuguesa tem uma nova esquadra de voo: a Esquadra 506, batizada com o cognome “Rinocerontes”, que ficará sedeada na Base Aérea nº 11, em Beja, no sul de Portugal.

A cerimónia de ativação da esquadra decorreu neste sábado, dia 20 de maio, em Beja, num evento presidido pelo Chefe do Estado-Maior da Força Aérea (CEMFA), general João Cartaxo Alves.

Na presença da estrutura superior da Força Aérea foi nomeado comandante da Esquadra 506 – “Rinocerontes” o major piloto-aviador Miguel Pousa.

Dirigindo-se aos militares que agora compõem a Esquadra 506, o CEMFA falou com emoção de um “sonho que se concretizou”, representando a Esquadra 506 um símbolo de modernidade, começo, de uma Força Aérea do futuro. A criação desta Esquadra “está assente em três pilares: sistemas e infraestruturas de última geração, pessoas altamente qualificadas e uma Força Aérea evoluída e na linha da frente”, que formam um triângulo que no vértice terá “o cumprimento da missão”. No final da sua intervenção o general Cartaxo Alves convidou os militares da Força Aérea “a apertar os cintos neste voo rumo à modernidade, ao futuro, à nova tecnologia”.

Já investido como Comandante de Esquadra, o major Miguel Pousa destacou os desafios que se aguardam aos “Rinocerontes”, “pela responsabilidade que acarreta sermos o primeiro país europeu e o segundo país no mundo a operar o KC-390. Sobre o olhar atento de todos, teremos o desafio não só de cumprir com as missões que se nos vão ser atribuídas, como também aprimorar e aprofundar o emprego operacional da aeronave, por forma a elevarmos o KC-390 e a Esquadra 506 a referências no âmbito do Transporte Aéreo”, concluiu.

A cerimónia contou ainda com a entrega de uma imagem de Nossa Senhora do Ar e da flâmula.

Sob o lema ‘SÓ PODE O QUE IMPOSSÍVEL PARECIA’, a Esquadra 506 agora formalizada será equipada brevemente com o avião KC-390, tendo como missão executar operações aéreas no âmbito do transporte aéreo geral, combate a incêndios e reabastecimento aéreo.

 

  • Com informações do Estado-Maior da Força Aérea (EMFA)

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Azores Airlines inicia novas rotas nacionais e internacionais no próximo mês de junho

A companhia aérea portuguesa Azores Airlines estreia, a partir...

Aumento para 45 movimentos/hora no atual Aeroporto de Lisboa requer estudo, esclarece o Governo

O aumento de capacidade do Aeroporto Humberto Delgado, em...