Novo A380plus terá winglets, mais lugares e consumirá menos combustível

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

Mês da Criança - Participe no sorteio e ganhe bilhetesA construtora europeia Airbus anunciou neste domingo, dia 18 de junho, que está a trabalhar no desenvolvimento de um projeto que visa uma versão do ‘Super Jumbo’ A380 mais económica e mais ao gosto das grandes companhias aéreas internacionais, e que inclui novos avanços tecnológicos e aperfeiçoamento do desenho aerodinâmico do aparelho.

É a resposta ao desafio lançado desde há algum tempo pelo presidente executivo da Emirates, companhia baseada no Dubai, Emirados Árabes Unidos, que é a maior operadora mundial de aviões A380, que ameaçou prosseguir a renovação da sua frota com aviões da concorrente Boeing, caso a Airbus não lhe apresentasse uma opção de acordo com as suas expectativas de mercado, que seria um avião mais barato e mais eficaz, em termos de consumo.

O Airbus ‘A380plus’, cujo projeto, em termos visuais, apenas difere com a aplicação de winglets na ponta das asas (LINK notícia relacionada), terá a particularidade de poupar cerca de quatro por cento na fatura de consumo de combustível. A optimização do novo aparelho, com diversas beneficiações tecnológicas e, também em termos de configuração, poderá retomar a procura pelo maior avião comercial de passageiros que, nos últimos meses, ficou praticamente reduzida a zero.

Os novos interiores do A380, já apresentados na última feira internacional de interiores para aviões (‘Aircraft Interiors Expo’), em Abril passado na Alemanha, apontam para uma redução de custos na ordem dos 13% por passageiro, o que se torna muito interessante, se tivermos ainda em conta que a nova configuração permite uma média de mais 78 lugares na versão considerada padrão do A380, que, segundo a Airbus é de 497 assentos. Portanto um total de 575 lugares, o que, em termos de exploração comercial, para rotas de maior densidade de passageiros, se tornará um fator preferencial para os eventuais clientes do novo ‘A380plus’.

Foto © Airbus/P. Pigeyre/Master Films

Um comunicado distribuído pela Airbus na véspera da abertura oficial do ‘Paris Air Show’, que decorre em Le Bourget, nos arredores da capital francesa de 19 a 25 de junho, explica que todo o interior do ‘Super Jumbo’ foi redesenhado, com novas escadas de ligação entre os dois pisos do avião, locais de armazenagem e de apoio para o serviço de bordo, e com novas filas de nove cadeiras em Económica Premium e de 11 cadeiras na Económica.

John Leahy, diretor de Operações e Relações com os Clientes da Airbus, considera que o novo ‘A380plus’ é uma maneira eficiente de oferecer um produto de sucesso, que mantém e melhora o seu desempenho operacional num cenário de grande aproveitamento dos avanços tecnológicos desenvolvidos pelos engenheiros da Airbus e de melhor consumo, rentabilidade e competitividade.

A aposta da Airbus, diz ainda John Leahy, não podia ser outra, já que a tendência da aviação comercial será transportar mais passageiros por cada viagem, face ao cada vez mais inquietante congestionamento dos aeroportos, com ‘slots’ nos limites.

Na exposição estática em Le Bourget a Airbus apresenta na semana do ‘Paris Air Show’ três aviões: o ‘A380plus’ com novo desenho das asas, o A321neo e o A350-1000.

 

 

 

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Mais passageiros transportados interilhas em Cabo Verde em março e abril deste ano

Os dois aviões fretados pela TACV, companhia aérea estatal...

Presidente da TAP defende que o Estado Português não deve privatizar totalmente a empresa

O presidente da TAP, Luís Rodrigues, defendeu que o...