O primeiro voo do incrível Blackwing (com vídeo)

Estudado ao longo de 10 anos, o seu primeiro voo foi há poucos dias. Os primeiros clientes esperam ansiosamente pelas primeiras entregas em Dezembro deste ano e a marca já procura distribuidor em Portugal e Brasil. O Blackwing, chegou para vencer, é um ultra-leve radicalmente diferente de todos os outros.

A Blackwing Sweden começará, em Dezembro, a fazer as entregas dos primeiros aviões Blackwing produzidos em série, com trem de aterragem retráctil e desenhados full aerobatics. A opção com trem de aterragem fixo está disponível para escolas e formação, e para corresponder a regulamentos específicos (LSA). O construtor sueco anunciou o lançamento no mercado do novo ultraleve Blackwing no salão AERO Friedrichshafen 2015. Em Abril, “já estavam inscritos 25 interessados em participar nos testes de voo e três clientes queriam comprar o avião, logo que possível”, respondeu um responsável do construtor sueco.
15% de Desconto - AVIS
Os primeiros aviões serão entregues na Suécia, seguindo-se a Noruega, Finlândia e França, mas a empresa procura um potencial distribuidor para Portugal e para o Brasil, onde foram registados (via Internet) quatro interessados. “Por isso, sabemos que há mercado para este avião ultraleve acrobático e muito rápido”, acrescentou. O primeiro voo do avião realizou-se no passado dia 27 de Julho, no Landskrona Flygklubb, teve uma duração de 25 minutos e decorreu normalmente, sem surpresas. O avião revelou-se muito estável em todos os eixos, nomeadamente, no roll rate. O piloto de teste foi Harald Ahlberg, antigo comandante da SAS, com mais de 20 mil horas de voo, 2000 das quais em pequenos aviões.

O Blackwing tem por base mais de 10 anos de desenvolvimento e reflecte toda uma vida de trabalho do engenheiro aeronáutico sueco, Niklas Anderberg. O projecto começou com o concept ECO1, um avião desportivo super-eficiente, para viajar rápido, treino e acrobacia. As fantásticas características de voo levaram a equipa de design a estender as fronteiras um pouco mais e, desse esforço, resultou um dos mais avançados aviões ultraleves do mercado, capaz de satisfazer as necessidades de pilotos experimentados ou iniciados.

 

O Ferrari dos ultra-leves

O avião é construído a partir de fibra de carbono sueca extremamente forte e leve. A empresa tem orgulho em introduzir, pela primeira vez, nesta categoria, um avião cuja VNE (velocidade a não exceder) é de 400 km/h, com um motor Rotax 100HP. As características de voo, incluindo tonneaux, fazem deste avião um aparelho indicado para treino básico ou voo acrobático avançado. Com trem retráctil e asa em formato micro-light, o avião combina descolagens e aterragens em pistas curtas com performance a alta velocidade. Simulações avançadas com os materiais permitem ao fabricante afirmar que o Blackwing suporta forças de +12G/-8G, embora sendo extremamente leve.

 

1 Comments

  1. Avatar

    Escreve-se “há poucos dias” e não “à poucos dias”….

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica