Bem-vindo, !|Sair

Queda de avião anfíbio no Amazonas provoca uma morte


 

Um avião anfíbio Cessna Caravan 208, matrícula PR-MPE, ao serviço da organização internacional ‘Greenpeace’, caiu na terça-feira, dia 17 de outubro, no Rio Preto, na região do arquipélago das Anavilhanas, no Estado do Amazonas, norte do Brasil, com cinco pessoas a bordo. Uma cidadã sueca, de 29 anos de idade, faleceu no acidente, tendo o piloto e mais três funcionários da organização não governamental (ONG), todos de nacionalidade brasileira, sobrevivido.

O incidente ocorreu pelas 11h00 locais, segundo confirmou a Força Aérea Brasileira, tendo sido presenciado pelos tripulantes e passageiros do barco ‘Navegação Natal’, que navegava nas proximidades. Raul de Paula, comandante da embarcação, disse à ‘Rede Globo’, que o piloto da aeronave lhe confessou que a passageira sueca pediu para ele fazer um voo rasante sobre a água, mas que alguma coisa terá falhado naquele momento, provocando o embate descontrolado da aeronave na água e consequente quebra estrutural.

A passageira que morreu ficou presa entre os destroços do aparelho. Os restantes ocupantes foram salvos pelo pessoal do barco ‘Navegação Natal’.

A Greenpeace fez um comunicado em que confirmou e lamentou o acidente que provocou uma morte, dizendo que a ONG está de luto pelo sucedido. As autoridades brasileiras já acionaram um inquérito para apurar as causas do desastre.

 

  • A foto é da autoria de Raul de Paula, comandante do barco ‘Navegação Natal’, que acudiu ao local do acidente, salvando quatro dos cinco ocupantes da aeronave anfíbia.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica