Ryanair cumpre ameaça: retira três aviões e 19 rotas de Lisboa no Verão

A Ryanair anunciou nesta terça-feira, dia 8 de março que “foi forçada a reduzir o número de aeronaves baseadas em Lisboa, de sete para quatro, para o Verão 2022, provocando o cancelamento de 5.000 voos e de 19 rotas de Lisboa para o Verão 2022″, com capacidade para movimentariam um total de 900.000 passageiros.

“Esta ação deve-se ao facto da TAP continuar a bloquear slots no aeroporto de Lisboa, dos quais não pode nem irá utilizar neste Verão. Os cancelamentos irão reduzir as opções de viagem para todos os visitantes, bem como a perda de 150 empregos bem pagos na área da aviação, em Lisboa”, diz um comunicado da companhia.

Estes cancelamentos – que, segundo a Ryanair poderiam ser evitados – “acontecem após inúmeras tentativas, por parte da Ryanair, em solicitar ao Governo Português que interviesse na libertação dos slots inutilizados pela TAP no Verão 2022”.

“Enquanto a Ryanair continua a contribuir para o crescimento e investimento em Portugal, a TAP recebeu três mil milhões de euros em auxílios estatais, reduziu a sua frota em 20%, terminou com milhares de postos de trabalho e ainda libertou apenas menos de 5% dos seus slots em Lisboa, bloqueando assim o crescimento de outras companhias aéreas”, comenta Michael O’Leary, presidente do Grupo Ryanair Holdings.

As rotas suspensas à partida de Lisboa, no Verão deste ano, são para Agadir, Alghero, Alicante, Bari, Billund, Birmingham, Bournemouth, Baden-Baden, Lanzarote, Madrid, Malta, Memmingen, Oujda, Palermo, Perpignan, Poitiers, Tenerife, Cracóvia e Saragoça.

 

No mesmo comunicado a Ryanair confirma que as três aeronaves e as 19 rotas perdidas irão regressar a Lisboa em outubro de 2022, para a programação de Inverno da Ryanair, uma vez que a companhia possui slots suficientes no Inverno 2022-23 para esses voos.

2 Comments

  1. Avatar

    Talvez fosse interessante fazer as contas e entender que 5000 voos com 3 aeronaves durante o verão IATA, é totalmente impossível, uma vez que implicaria um pouco mais de 8 voos por dia por aeronave à saída de Lisboa.
    Igualmente interessante seria tentar perceber como é que a Ryanair justifica esses 900.000 passageiros, visto o número de voos ser muito inferior ao que dizem, colocando assim mais uma vez esse valor em causa.

    Reconheço que a informação tem por base um comunicado, todavia tratando-se de jornalismo, será de bom tom investigar e analisar ao revês de apenas e cegamente publicar informação divulgada.

  2. Avatar

    Não faz falta.
    A Air France-KLM vai expandir a sua operação em Portugal sem slots extra….
    A chantagem não resultou!

    E os números apresentados são claramente exagerados!

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica