Segundo trimestre positivo para a Embraer – Mais aviões e mais lucro

A construtora aeronáutica brasileira Embraer registou um segundo trimestre deste ano positivo, com aumentos nas entregas de aeronaves e também de receita e lucro. Os resultados foram divulgados nesta sexta-feira, dia 28 de julho, em São José de Campos, no Estado de São Paulo, tendo a empresa revelado que entregou 59 aviões de abril a junho, sete a mais que nos mesmos meses de 2016.

Do total de aeronaves entregues no segundo trimestre deste ano, 35 foram comerciais e 24 executivas. Já de abril a junho de 2016 foram 26 comerciais e 26 executivas. Houve pequena queda nas entregas de aeronaves executivas, de duas unidades.

“Ainda estamos sob grande pressão, mas a gente está vendo melhorar estes mercados, não esperamos deterioração de preços”, disse o presidente executivo da empresa, Paulo César de Souza e Silva, sobre a aviação executiva, em conferência com investidores.

A Embraer registou uma receita líquida superior em 19% sobre o mesmo período do ano passado. Em dólares, a receita líquida também subiu, de 1,3 mil milhões (bilhões no Brasil) de dólares de abril a junho de 2016 para 1,7 mil milhões em iguais meses deste ano.

Em dólares, os ganhos líquidos subiram de 44 milhões de dólares para 123 milhões de dólares na mesma comparação. A empresa prevê investimentos de US$ 650 milhões de dólares neste ano.

A Embraer atribuiu o aumento de receita à combinação do aumento do número de entregas na aviação comercial e um mix mais favorável na aviação executiva, além do lançamento do Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas. Ele foi lançado pelo Brasil em maio e o projeto é uma parceria entre o governo brasileiro e a empresa Visiona, joint-venture entre Embraer e a Telebras. O negócio impulsionou as receitas com defesa para a Embraer.

 


“Como

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica