Bem-vindo, !|Sair

Sete mortos na queda de um Piper PA32 na República Dominicana

As autoridades da República Dominicana, nas Caraíbas, mandaram abrir um rigoroso inquérito ao acidente aéreo que na segunda-feira, dia 21 de Abril, vitimou sete pessoas: seis turistas (dois britânicos e quatro espanhóis) e um piloto dominicano.

O desastre verificou-se pela manhã, cerca das 08h15 locais, quando um avião monomotor Piper PA32, matrícula HI-957, pertencente à empresa de táxis aéreos Sky High, caiu sobre o campo de golfe de Cocotal, em Bávaro, poucos minutos depois da descolagem da pista de aviação ligeira e executiva do Aeroporto Internacional de Punta Cana. A aeronave destinava-se a Arroyo Barril, em Samaná.

Logo após a queda sentiram-se três explosões, tendo o avião ficado totalmente carbonizado, assim como os corpos dos seus ocupantes.

Desastre Piper PA32_Dominicana 20ABR2015A 700px

Não há uma explicação imediata para o acidente. O piloto, de 39 anos de idade, tinha grande experiência naquele tipo de avião que, segundo a empresa, estava em boas condições técnicas e as condições meteorológicas eram boas no momento do acidente.

As perdas foram totais e irreparáveis, pois os destroços ficaram muito juntos, presos a umas árvores e o avião tinha o depósito cheio de combustível para a viagem que iniciara momentos antes.

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica