Suíça inclui Portugal na lista de países com restrições de entrada

A Suíça incluiu Portugal na lista de países com restrições associadas à variante ómicron do novo coronavírus, passando a exigir teste e quarentena.

“A partir de hoje qualquer pessoa (mesmo vacinada) viajando de Portugal para a Suíça terá que apresentar um teste COVID negativo (PCR ou antigénio) e fazer na Suíça uma quarentena de 10 dias”, lê-se num comunicado colocado na página de Facebook da embaixada da Suíça em Lisboa, nesta terça-feira, dia 30 de novembro.

A medida aplica-se a todos os cidadãos maiores de 16 e aplica-se a todos, quer tenham certificado de vacinação ou de recuperação da covid-19, esclarece o governo suíço.

“Todos (incluindo crianças” devem preencher o formulário de entrada no país e cumprir quarentena de 10 dias. Isto aplica-se também a pessoas vacinadas e recuperadas”, esclarece o governo suíço.

As restrições aplicam-se a 23 países, incluindo, a partir de hoje, além de Portugal, o Canadá, o Japão e a Nigéria. Os cidadãos dos países na lista vermelha da Suíça devem apresentar-se às autoridades do cantão a que se dirigem quando entraram no país e têm de se submeter a um teste PCR entre quatro a sete dias após chegarem a território suíço.

As medidas aplicam-se na sequência da descoberta de uma nova variante da covid-19, a ómicron, que está a espalhar-se rapidamente por vários países. Esta terça-feira foi detetada no Japão, estando agora presente em cinco continentes, ao fim de cinco dias.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica