Bem-vindo, !|Sair

TAP reforça liderança de Espanha e detém 42% da quota no transporte de passageiros para Portugal

A TAP voltou a reforçar em Janeiro a liderança do transporte de passageiros entre Espanha e Portugal, atingindo uma quota de 42%, mais 4,3 pontos que há um ano, por um crescimento em 12,9%, enquanto o tráfego total cresceu 1,3%, de acordo com dados da AENA, gestora dos aeroportos espanhóis, recolhidos e trabalhados pelo portal PressTUR – Agência de Notícias de Viagens e Turismo.

A TAP, segundo esses dados, teve 77.057 embarques e desembarques nos aeroportos espanhóis, mais 8,8 mil que em Janeiro de 2013, compensando a queda em 5,8% ou 6,5 mil passageiros, para 106,5 mil, das restantes companhias que operam ligações entre os dois países ibéricos, como a Ryanair, a EasyJet, a Iberia e a Air Europa, relativamente às quais os dados não permitem ver a evolução do tráfego de e para Portugal.

Em relação à TAP, cujos voos são exclusivamente de e para Portugal, os dados da AENA recolhidos pelo PressTUR permitem ver que Barcelona/El Prat continua a ser o aeroporto onde a TAP tem mais embarques e desembarques, com 31.874 em Janeiro, em alta de 10,2% ou 2,9 mil, enquanto as companhias suas concorrentes cresceram 0,8%, para 25,2 mil.

A TAP conseguiu, assim, uma quota de mercado do tráfego Espanha – Portugal em Barcelona/El Prat de 55,8%, mais 2,2 pontos que em Janeiro de 2013.

Mas foi em Madrid/Barajas que a TAP teve o maior aumento de passageiros no primeiro mês deste ano, com +14,3% ou mais 4,06 mil que em Janeiro de 2013, para 32,55 mil e onde mais se distanciou da concorrência, já que o conjunto das restantes companhias teve uma queda de 8% ou seis mil, para 68,76 mil.

A TAP atingiu assim em Madrid/Barajas uma quota de mercado de 32,1% em Janeiro, mais 4,5 pontos que no primeiro mês de 2013.

Madrid/Barajas foi em Janeiro o aeroporto de origem/destino de 55,2% dos passageiros que voaram de e para Portugal em Janeiro e dados do Aeroporto de Lisboa a que o PressTUR teve acesso indicam que a Iberia teve um aumento em 9% do número de passageiros que voaram de e para a capital portuguesa, para 22,8 mil, o que significa que a TAP manteve a liderança também no principal hub da companhia espanhola.

Para a TAP, Madrid/Barajas foi também o primeiro aeroporto em Espanha no mês de Janeiro, com 42,2% do seu total de passageiros, enquanto as ligações com Barcelona/El Prat tiveram 41,4%, acima do que é o ‘share’ do tráfego total de e para Portugal, que é de 31,1%.

Os dados da AENA mostram ainda que em Janeiro, mês em que as ‘low cost’ fazem épocas baixas ‘mais cavadas’ que as chamadas tradicionais, a TAP foi a 25ª maior companhia em número de embarques e desembarques nos aeroportos espanhóis, um lugar acima de Janeiro de 2013.

A Ryanair, apesar de uma queda do número de passageiros em 14,4% ou cerca de 251 mil, manteve-se a maior companhia nos aeroportos da AENA, com 1,489 milhões, à frente da Vueling, ‘low cost’ do grupo IAG (British Airways/Iberia), com 1,4 milhões (+20,6% ou mais 239,9 mil), da Air Europa, do grupo Globalia, com 1,05 milhões (+15,8% ou mais 143,2 mil), da Iberia, com 935,5 mil (-8,6% ou menos 88,2 mil), e da EasyJet (incluindo a EasyJet Switzerland), com 651,4 mil (-2,8% ou menos 18,8 mil).

Em Janeiro os aeroportos espanhóis tiveram um total de 10,94 milhões de embarques e desembarques, +2,5% ou mais 266,28 mil que há um ano, pelo crescimento do tráfego em voos internacionais em 8,5% ou 561,4 mil passageiros, para 7,19 milhões, enquanto o tráfego doméstico teve uma queda de 7,3% ou 295,1 mil, para 3,747 milhões.

Portugal, com 183,58 mil passageiros, foi a 11ª origem destino, um lugar acima de Janeiro de 2013, situando-se em 9º em Barcelona (8º em Janeiro de 2013) e 7º em Madrid/Barajas, como há um ano.

Em Madrid, o movimento de passageiros ficou em Janeiro 1,4% ou 40,1 mil abaixo de Janeiro de 2013, com 2,868 milhões, e em Barcelona subiu 5,2% ou 103,3 mil, para 2,099 milhões.

A TAP foi a 12ª maior companhia em Barcelona, um lugar acima de Janeiro de 2013, e em Madrid/Barajas foi a 13ª maior como há um ano.

Por origens/destinos em Portugal, os dados da AENA indicam crescimento em Janeiro do movimento de passageiros nas ligações com Lisboa (+2,9% ou mais 3,7 mil, para 128,58 mil), com o Funchal (+32,2% ou mais cerca de 300, para 1,2 mil) e com Ponta Delgada (+96,4% ou mais cerca de 320, para 660).

Em queda esteve o movimento de passageiros de e para o Porto (-3,6% ou menos 1,7 mil, para 46,3 mil) e de e para Faro (-4,1% ou menos cerca de 280, para 6,46 mil).

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica