Bem-vindo, !|Sair

Tribunal francês decreta liquidação da Air Mediterranée – com vídeo

O Tribunal de Comércio da comarca de Tarbes, no sul de França, decretou na segunda-feira, dia 15 de fevereiro, a liquidação da companhia aérea Air Méditerranée, devido à insolvência da empresa proprietária da transportadora. Os voos continuarão até final do corrente mês de fevereiro, de forma que os passageiros que estão fora de França possam regressar às suas casas.

O processo de recuperação da Air Mediterranée tinha sido aberto há mais de um ano, se bem que a companhia continuasse a operar com um quadro de cerca de 220 trabalhadores e quase uma dezena de aviões.

No início do passado mês de janeiro dois antigos quadros da extinta AOM, companhia que voou para os territórios ultramarinos franceses, tinham manifestado interesse na recuperação da Air Mediterranée, mas a negociação com a empresa e os credores não evoluiu de forma positiva.

O presidente executivo da companhia, Antoine Feretti, disse que irá recorrer da decisão do Tribunal de Comércio de Tarbes, anunciou nesta terça-feira, dia 16 de fevereiro, o ‘Air-Journal’. No site da companhia também não existe qualquer referência à decisão judicial.

A Air Mediterranée vai continuar a operar até final do mês com alguns aviões que ainda estão ao seu serviço, alugados à Air Algérie. A maioria da frota já foi devolvida ao lessor, a sociedade de leasing irlandesa AerCap, que forçou a sua entrega pois receou que o tribunal pudesse arrestar as aeronaves para garantir as dívidas da companhia aérea francesa.

Em novembro passado a Air Mediterranée tinha anunciado um programa de voos à partida de seis cidades francesas, nomeadamente para aeroportos de países muçulmanos do Norte de África, casos da Argélia, Marrocos e Tunísia. Tinha também voos para Palma de Maiorca e Tenerife, em Espanha, para algumas ilhas gregas, para Beirute (Líbano) e para Dakar (Senegal). Realizava ainda voos fretados para destinos turísticos ao serviço dos principais operadores turísticos franceses.

Nos últimos anos os aviões da Air Mediterranée eram muito vistos no Aeroporto Internacional da Madeira, ilha portuguesa de grande propensão turística, onde têm afluído muitos turistas franceses, nomeadamente depois das ‘primaveras árabes’ que se verificaram em alguns países do Norte de África e da bacia do Mediterrâneo que afastaram muitos visitantes das praias do Mediterrâneo.

Fundada em 1999 a Air Mediterranée chegou a funcionar com uma frota de cerca de uma dezena de aviões, divididos entre A320 e B737.

 

  • A imagem de entrada foi obtida no Aeroporto Internacional da Madeira e é da autoria do ´spotter´ Samuel Passos, de quem apresentamos ainda um vídeo que mostra dois aviões da Air Mediterranée (um A321 e um B737) a movimentarem-se no aeroporto da ilha portuguesa.

1 Comments

  1. a AOM, era uma companhia muito activa, pelos vistos,tambem foi a vida., era charter
    esta a AIRMEDITERRANI, nunca vi,eu tyambem abondonei a aviaçao em2008, quando os L1011-500. deixaram de voar na europa.
    agora esta bronca com a AZUL, veremos o que vai sair disto.
    o governo actual e do PS,quem fez o nogoçio ,ruinosos,foi o goverrno PSD/CDS.
    esta gente so faz porcaria, governam por interesse,qa corrupçao ca enorme..
    chamam isto democracia, controlam a justiça.
    enquanto nos deixaram escrever as verdades,vamos em frente.
    eu apanhei o salasarismo,nasci em1945,no apos guerra,fui voluntario na FAP,man/tap,quase 40 anos,reformei-e aos 60 ,depois embarquei na Lusair,ate2008,quano o L1011-500 deixou de voar na europa.
    oL1011-500. foi o aviao que me tornou alguem na aviaçao comercial.
    agora.nao afundem ma companhia.TAP.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica