Tripulantes de todo o mundo prestam homenagem aos colegas da Flydubai

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

Milhares de colegas dos tripulantes mortos no desastre do Boeing 737-800 da FlyDubai, de todo o mundo, reuniram-se para partilhar condolências na Página de Facebook “A Fly Guy’s Cabin Crew Lounge” e através da hastag #UnitedByWings #FZ981

Durante o descanso, ou mesmo a momentos de levantar voo para mais um dia de trabalho, profissionais de aviação e entusiastas de todo o mundo, prestam a sua homenagem a todos os que perderam a vida no voo FZ981 da FlyDubai.

Foi o administrador da página Jay Robert, um tripulante de cabina de Primeira Classe, que publicou o apelo:

“Peço a todos que se juntem a nós sobre as nossas asas para que possamos entregar o máximo de conforto a toda a nossa família voadora da flydubai e a todos os pereceram no lamentável acidente.
Quando um acidente destes acontece, colocamo-nos imediatamente no lugar dos colegas, e a realidade atinge-nos de rompante, pois os riscos que corremos como profissionais são reais”

Jay que falava numa entrevista telefónica, para um órgão de comunicação dos Emirados Árabes Unidos, afirmou ainda que todos os profissionais de aviação vivem constantes sacríficos em prol da sua profissão e, por isso, estão sempre prontos a ajudar os outros e numa hora como esta isso é o que mais importa. Todos querem estar mais perto para poder ajudar aqueles que perderam os seus amigos ou familiares nesta tragédia.
O seu post é mais um espaço onde isso pode acontecer. Um espaço onde tripulações de todo o mundo podem deixar as suas mensagens, palavras de conforto e vivências que tiveram com os colegas que voam agora mais alto.

Comandante Aristos Sokratous, estaria de saída da Flydubai

Aristos-Sokratous
Comandante Cipriota #FZ981 Aristos-Sokratous – Foto Facebook

O experiente comandante de linha aérea Aristos Sokratous, de nacionalidade cipriota, tinha 5.965 horas de voo, e estaria a completar os seus últimos voos ao serviço da Flydubai, aquando do acidente no passado sábado.
Um amigo próximo do comandante que fazia o seu primeiro voo para o Aeroporto de Rostov-on-Don, na Rússia, revelou aos órgãos de comunicação social Emirados Árabes Unidos que este entregara a carta de demissão à companhia e que a sua saída estaria prevista para a próxima segunda-feira, dia 21 de março.

Movido por questões pessoais, era recém-casado, e a sua mulher esperava um filho, Sokratous passaria a fazer base em Chipre, e voaria para a Ryanair depois de ver a sua candidatura aceite.
Sokratous, teria sido promovido a comandante da Flydubai há cerca de um ano e meio Estudou na Oxford Aviation Academy e trabalhou para a extinta Helios Airways, que fechou pouco depois de um dramático acidente que vitimou 121 pessoas num voo entre Larnaca (Chipre) e Antenas (Grécia).

Alejandro-Cruz-Alava - Foto Facebook
Co-Piloto Espanhol #FZ981- Alejandro-Cruz-Alava- Foto Facebook

O co-piloto Alejandro Cruz Alava, (5.769 horas de voo), de 37 anos de idade, era cidadão espanhol, natural de Laguna, ilha de Tenerife, no arquipélago das Canárias. Voou localmente nas companhias Binter Canárias e Naysa antes de rumar para o Dubai em 2014. De acordo com a imprensa do Dubai, a sua mulher está à espera de gémeos.

Outra das vítimas do acidente é Javier Alejandro Curbelo, conhecido como Javi, de 30 anos de idade, que é também natural do Arquipélago das Canárias, mas da ilha de Grã Canária.

Tripulante Russa #FZ981- Audrus-Maxim – Foto Facebook
Jyldyz-Tripulante-do-Kirguistão
Tripulante do Quirguistão #FZ981 -Jyldyz

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Azores Airlines inicia novas rotas nacionais e internacionais no próximo mês de junho

A companhia aérea portuguesa Azores Airlines estreia, a partir...

Aumento para 45 movimentos/hora no atual Aeroporto de Lisboa requer estudo, esclarece o Governo

O aumento de capacidade do Aeroporto Humberto Delgado, em...