Bem-vindo, !|Sair

Último A330-200 a deixar a frota da Air Berlin pode vir para a TAP

O Airbus A330-200, matrícula D-ALPH, é o último avião deste modelo a deixar a frota da Air Berlin, companhia alemã que declarou falência no Verão deste ano e que deixou de voar no passado dia 28 de outubro.

A aeronave deixou na manhã desta segunda-feira, dia 6 de novembro, o Aeroporto de Dusseldorf, na Alemanha (voo BER116P), e está a atravessar o Oceano Atlântico em direção ao Aeroporto Internacional António Carlos Jobim/Galeão, na cidade do Rio de Janeiro, onde será entregue ao lessor.

Segundo conseguiu apurar o ‘Newsavia’, este avião poderá entrar nas oficinas da TAP M&E Brasil, onde será repintado com as cores da companhia aérea portuguesa. Há indicações de que o negócio entre a empresa de leasing proprietária da aeronave (a ILFC) e a TAP Air Portugal está a ser tratado, embora nada se encontre concluído.

Fontes da companhia portuguesa não nos confirmaram esta hipótese, que tem ganho alguma consistência na última semana, mas confirmam que a TAP Air Portugal está a considerar a aquisição de mais um ou dois aviões Airbus A330-200, para colmatar a saída (talvez antes do tempo) dos dois aviões do mesmo tipo que tinham sido alugados, há cerca de um ano, à Azul Linhas Aéreas Brasileiras. O aumento de tráfego, sobretudo nas linhas da América do Norte (EUA e Canadá) e o atraso na entrega dos novos Airbus A330-900neo levam a companhia aérea portuguesa a olhar para o mercado com a intenção de alugar mais aviões para o longo curso. A quebra da Air Berlin poderá facilitar a procura dos responsáveis pela companhia portuguesa.

O A330-200, matrícula D-ALPH, fez o voo inaugural em 21 de setembro de 2006 e foi entregue à LTU, outra companhia alemã já extinta, que foi absorvida pela Air Berlin. A partir de Abril de 2008 ostentou as cores da Air Berlin, onde se manteve até final da companhia, em outubro passado. O avião tem a cabina configurada com três classes, para um total de 290 passageiros. Se entrar para a TAP, a aeronave ganhará uma nova configuração, dado a companhia portuguesa trabalhar apenas com duas classes: Executiva e Económica.

Aguardemos os próximos desenvolvimentos.

 

  • Foto © Frank Wappler/Jetphotos

 

Faça parte da nossa comunidade - Descarrega já a app NewsAvia

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica