Virgin Atlantic recebe primeiro avião Airbus A330-900neo

A Virgin Atlantic Airways recebeu em Toulouse o seu primeiro Airbus A330-900neo, em leasing com a Air Lease Corporation (ALC).

O A330neo irá desempenhar um papel fundamental na transformação da frota da companhia aérea britânica e é o 50º aparelho Airbus da empresa.

A Virgin Atlantic torna-se assim o primeiro operador deste modelo no Reino Unido, tendo encomendado 13 aviões A330-900neo (seis em locação da ALC) com a intenção de eventualmente expandir a frota até 16 unidades.

“A família A330 é a aeronave de dois corredores mais popular de sempre em termos de clientes e rotas, enquanto a flexibilidade do A330neo no mercado de médio a longo alcance é inigualável”, refere uma nota de imprensa distribuída pela fábrica europeia de aeronaves. O A330-900neo, equipado com motores Rolls-Royce Trent 7000, traz custos operacionais por assento que são dois dígitos mais baixos e tem menos 25% de queima de combustível e emissões de carbono em comparação com a geração anterior de aeronaves concorrentes.

A Virgin Atlantic já opera nove aviões A350-1000 de última geração. A entrada dos novos A330-900neo proporciona aos pilotos uma uniformização da frota A330-A350 e uma experiência aos passageiros sem descontinuidades.

A aeronave está configurada para acomodar 262 passageiros em três classes, incluindo 32 lugares na classe superior com divisórias para privacidade.

O motor Trent 7000 oferece uma melhoria significativa da queima de combustível por assento em comparação com o seu antecessor e reduzirá significativamente o ruído dos aviões. Está certificado para operar com uma mistura de 50% de Combustíveis de Aviação Sustentáveis (SAF). O voo de entrega da aeronave de Toulouse para Londres/Heathrow voou com uma mistura de 35% de SAF.

 

  • Foto de abertura © AIRBUS/Pascal Pigeyre/Master Films

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica