Bem-vindo, !|Sair

Moçambique vai elaborar planos diretores para seis aeroportos

Seis aeroportos de Moçambique deverão ter novos planos diretores em 2017, documentos que contemplarão as intervenções necessárias para os adaptar às exigências presentes e futuras, anunciou a empresa estatal Aeroportos de Moçambique, concessionária de toda a infraestrutura aeroportuária do país.

A empresa adiantou que os aeroportos em questão são os internacionais de Maputo e da Beira e os de Pemba, Mocímboa da Praia, Vilanculos e Nampula, cujas previsões de tráfego, passageiros e carga serão analisadas na mesma altura em que será feita a previsão das necessidades operacionais.

Os novos planos diretores incluirão um inventário das condições existentes e informações sobre os impactos ambientais decorrentes das operações e atividades aeroportuárias, bem como as opções para a satisfação das necessidades de cada um dos seis empreendimentos a curto, médio e longo prazos.

A Aeroportos de Moçambique informou ainda no comunicado que a elaboração dos planos deverá começar em Janeiro do próximo ano e estar terminados dentro de seis a dez meses.

A notícia da elaboração de novos planos diretores surge na mesma altura em que o número de aeroportos internacionais foi reduzido para três: Maputo (na zona sul), Beira (centro) e Nacala (norte).

Os restantes aeroportos, nomeadamente Nampula, Pemba, Vilanculos e Mocímboa da Praia deixam de poder receber tráfego internacional.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica