ABEAR alerta que soltar balões é crime e ameaça à segurança do transporte aéreo

A Associação Brasileira das Empresas Aéreas (ABEAR) fez nesta segunda-feira, dia 21 de fevereiro, um alerta para a queda de dois balões de grandes proporções dentro do Aeroporto Internacional de Guarulhos, na cidade de São Paulo, neste fim de semana, ao lado de aeronaves que se encontravam estacionadas nos portalós de embarque e desembarque de passageiros.

Para a ABEAR, essa ocorrência evidencia a necessidade de mobilização da sociedade e do Poder Público sobre o perigo dessa prática, que é crime previsto na Lei de Crimes Ambientais, artigo 42 da Lei 9.605/1998.

“É uma ação criminosa, que tem de ser devidamente apurada e punida, embora não seja isolada. Não fosse todo o cuidado dos funcionários do aeroporto e das empresas, poderíamos ter tido consequências muito mais sérias”, afirma o diretor de Segurança e Operações de Voo da ABEAR, Ruy Amparo.

Dados do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (CENIPA) mostram que, em 2019, foram 933 reportes de avistamentos de balões, incluindo aviação comercial, geral e militar. No ano seguinte, com o impacto da pandemia na operação aérea, foram 593 registos. Em 2021, outros 879 relatos. Em 2022, em menos de dois meses, já são 75 alertas que foram lançados pela aviação de avistamento de balões.

No domingo pela manhã, dois balões de ar quente caíram no Aeroporto de Guarulhos. Um sobre um avião Boeing 737-800 da GOL Linhas Aéreas (matrícula PR-GTL), que estava estacionado, e outro no solo, muito próximo da referia aeronave, junto de um veículo abastecedor de combustível a aeronaves. As operações foram interrompidas até completa recolha dos balões e necessária inspeção da aeronave, que não precisou ser intervencionada.

Segundo a imprensa brasileira da especialidade, minutos antes, um outro balão terá caído próximo de uma das pistas do Aeroporto António Carlos Jobim/Galeão, na cidade do Rio de Janeiro.

 

  • As fotos foram profusamente divulgadas em contas de WhatsApp

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica