Agostinho da Silva volta à frota TAP com o primeiro Airbus A321neo LR

O primeiro Airbus A321neo LR, avião de corredor único que terá maior autonomia de voo e que será utilizado nas viagens transatlânticas entre Portugal e os Estados Unidos da América, foi batizado com o nome do filósofo, poeta e ensaísta português Agostinho da Silva. É o regresso de um dos maiores vultos da cultura contemporânea portuguesa à companhia nacional.

A aeronave, que terá a matrícula portuguesa CS-TXA, já ostenta a pintura final, com a designação de batismo e foi fotografado na segunda-feira, dia 25 de março, nas instalações da Airbus no Aeroporto de Hamburgo/Finkenwerder pelo conhecido spotter local TOBI (Twitter/@Tobias_Gudat).

 

O A321neo LR, CS-TXA, será o primeiro de seis aviões deste modelo que a companhia portuguesa deverá receber este ano da Airbus. Fazem parte de uma encomenda de 14 aparelhos A321neo LR, que serão utilizados a partir da próxima temporada de Verão IATA na programação regular da companhia portuguesa.

A TAP já anunciou que os A321neoLR voarão Lisboa-Telavive, Lisboa-Washington/Dulles e Porto-Newark/Liberty (Nova Jérsia). Serão também utilizados em voos para aeroportos do Nordeste Brasileiro, onde a companhia admitir ter voos bidiários, nomeadamente para Recife, no Estado de Pernambuco, onde a companhia parceira e associada Azul tem um hub, com ligações fáceis para algumas dezenas de aeroportos brasileiros.

Nesta questão há que referir que a TAP continua a trabalhar em parceria (code share) com outras companhias brasileiras, e Fortaleza, no Estado do Ceará, será também um aeroporto a considerar, face ao crescimento do hub da GOL/Grupo KLM-Air France/Delta. Atualmente com obras em curso e concessionado à empresa alemã Fraport, o Aeroporto de Fortaleza negoceia também a instalação de um hub da LATAM Airlines.

Autoridades brasileiras, sobretudo ligadas à promoção turística e aos estados do Nordeste, acreditam que estão criadas condições para a TAP abrir novas rotas para cidades capitais que ainda não têm ligações diretas para a Europa. A companhia portuguesa não se tem mostrado muito animada, já que o câmbio do real não favorece a situação (as receitas diminuíram proporcionalmente nesses aeroportos) e eventuais aberturas de rotas deverão contar com um forte apoio promocional das entidades estaduais.

 

O nome de Agostinho da Silva entrou na TAP pela primeira vez, em abril de 2006, aquando da entrada ao serviço do Airbus A319, que recebeu a matrícula CS-TTQ. Um avião que já trazia alguns anos de carreira e que fizera o voo inaugural em 1996, entrando de seguida ao serviço da então Swissair.

Depois de mais 12 anos na TAP, o A319 CS-TTQ chegou ao fim da sua vida útil no final do ano passado, quando saiu da frota da companhia portuguesa, em outubro, com um total de 22 anos e quatro meses de voos bem sucedidos na sua caderneta. Seguiu para o Aeroporto de Cotswold, em Kemble (Gloucestershire), no Reino Unido, para ser desmantelado para sucata, processo que estava previsto para acontecer durante o corrente mês de março.

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica