Bem-vindo, !|Sair

‘Folha’ diz que a Azul vai cortar rotas e despedir 700 funcionários

Banner Páscoa Vila Galé

A companhia aérea Azul não escapa à crise económica que começa a instalar-se também no Brasil, onde as causas principais são atribuídas à alta do dólar norte-americano em relação à divisa nacional, o real, e à recessão no mercado de consumo, com uma retracção na procura de viagens aéreas.

A revista ‘Exame’ na sua edição online desta quarta-feira, dia 1 de Abril, publica uma notícia que foi veiculada, também neste dia, pelo jornal ‘Folha de S. Paulo’, na coluna de Mônica Bergamo, em que dá conta de que a Azul – Linhas Aéreas Brasileiras “já cortou voos para 11 destinos brasileiros e deve demitir até 700 funcionários com o objetivo de reduzir custos operacionais”.

Segundo a colunista, outras 12 cidades brasileiras serão tiradas da rede de rotas da empresa. Cada local emprega 30 pessoas.

A queda de passageiros e a alta do dólar são os principais motivos para a contenção, de acordo com as informações do jornal.

“Enquanto o fluxo de passageiros que viaja a negócios caiu 30%, o combustível das aeronaves é negociado nos valores da moeda americana, que acumula valorização de cerca de 35% ante o real nos últimos seis meses”, escreve a jornalista Martina Cavalcanti, no ‘Exame.com.

 

  • Ver comunicado posterior da Azul – Linhas Aéreas Brasileiras: LINK

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica