KLM retoma mais voos na Europa – Amesterdão-Lisboa mantém-se em maio

A KLM iniciou nesta segunda-feira, dia 4 de maio, o restabelecimento gradual da sua rede europeia. A companhia aérea dos Países Baixos retomou o serviço diário para oito destinos adicionais, suspensos em conformidade com as restrições de viagem relacionadas com a pandemia de covid-19. A partir de 11 de maio, o uso de máscaras faciais passa a ser obrigatório em todos os voos da rede da KLM, tal como acontecerá nos voos da sua parceira Air France, e muitas outras companhias aéreas europeias.

A rede europeia da KLM está fortemente reduzida e está configurada para conectar-se com o maior número possível de voos na rede intercontinental. As rotas serão reabertas gradualmente, mas poderão ser alteradas semanalmente, dependendo das medidas adotadas pelas autoridades nos destinos.

O objetivo da KLM para maio é a retoma de 15% dos seus voos, face ao período anterior ao surto de Covid-19. Atualmente, um número considerável de voos intercontinentais está a ser operado apenas com carga.

No início desta semana, a KLM retomou o serviço – um voo diário, sete dias por semana – para os seguintes destinos: Barcelona, Madrid, Roma, Milão, Budapeste, Praga, Varsóvia e Helsínquia. Estes voos são operados em aviões Embraer.

 

Em Portugal, sublinha-se ainda que tem estado a ser operado, desde 28 de março, 1 voo diário entre Lisboa e Amesterdão/Schiphol, em Boeing B737 (138 lugares), serviço que se mantém igualmente diário ao longo do mês de maio. Em simultâneo, a Air France, a companhia francesa do Grupo Air France-KLM, mantém também em operação três voos semanais entre Lisboa e Paris/Charles de Gaulle, em avião da família Airbus A320.

As informações mais atualizadas estão disponíveis no site ou na app da KLM.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica