Qatar e Singapore Airlines querem voar para Luanda

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

Além da Turkish Airlines, cujo início de voos entre Istambul e Luanda já noticiámos (ver LINK) e está previsto para o próximo mês de Junho, mais duas companhia aéreas comerciais de grande dimensão, estão a aguardar autorização das entidades angolanas para voarem para o Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro, em Luanda.

Uma notícia distribuída na semana passada pela agência noticiosa estatal angolana ‘Angop’ dá conta que a Qatar Airways e a Singapore Airlines, também aguardam autorização para o início das suas operações.

As informações foram confirmadas por Rui Carreira, administrador do Instituto Nacional de Aviação Civil (INAVIC). Segundo a fonte “os processos de solicitação continuam em análise aguardando autorização para o efeito, visto que as estruturas actuais do Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro (Luanda)  estão incapacitadas para o aumento da demanda de voos”,  acrescentou.

Outra questão, disse Rui Carreira, é que essas companhias, operam com aeronaves de grande porte e sofisticadas, pelo que é necessário, dada a exigência dos aparelhos, definir as frequências de voos e outros aspectos.

Entretanto, para ultrapassar tal situação, aguarda-se pela abertura do “novo aeroporto de Luanda”, cujas infra-estruturas principais estão praticamente construídas e  dar resposta  a petição das companhias aéreas interessadas começar a voar para Angola.

De acordo com o administrador, para os próximos tempos, com a abertura do novo aeroporto, e tendo em conta o interesse de certas transportadoras em operar no país, “espera-se que Angola venha a ser uma placa giratória na região na movimentação de passageiros e carga, ajudando assim na promoção e crescimento do turismo em África”.

Entre as companhias aéreas internacionais que operam actualmente em Angola, a ‘Angop’ enumera as africanas South African Airlines, Air Namibia (Namíbia) e Ethiopian Airlines, e as europeias TAP Portugal, Air France, British Airlines, KLM (Holanda), Lufthansa (Alemanha), Iberia (Espanha),  Brussels Airlines (Bélgica) e Emirates (Emirados Árabes Unidos).

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Presidente da TAP diz que estão reunidas as condições para que o orçamento deste ano seja cumprido

O presidente executivo da TAP, Luís Rodrigues, considera que...

Aluguer de Airbus A330 em 2016 motivou buscas da PJ às instalações da sede da SATA

O aluguer do avião Airbus A330 para integrar a...

Ryanair lança promoção relâmpago durante 48 horas

Viagens para os meses de junho e julho disponíveis...

Instalações da sede do Grupo SATA nos Açores alvo de buscas por parte da Polícia Judiciária

Inspetores da Polícia Judiciária (PJ) estiveram na manhã de...