Reino Unido poderá atenuar restrições para passageiros com vacinação completa

O Reino Unido poderá autorizar a dispensa de quarentena aos britânicos completamente imunizados que viajem de regresso ao País desde destinos incluídos na sua ‘lista amarela’, tais como Portugal, revela nesta quinta-feira, dia 17 de junho, o jornal ‘The Daily Telegraph’.

O Governo de Boris Johnson gere atualmente um sistema de semáforo para regular as viagens ao estrangeiro, agrupando os destinos segundo a sua situação epidemiológica, tendo em conta o risco que representam. As restrições impostas afetam sobretudo os fluxos de turistas gerados no mercado do Reino Unido, muito importantes para diversos países, nomeadamente para Portugal.

Presentemente Londres dispensa de quarentena os passageiros procedentes de lugares com um risco baixo (incluídos na ‘lista verde’) e aplicam um período de quarentena de dez dias com testes obrigatórios a outros que, como Portugal, se encontram na ‘lista amarela’, denominada pelos britânicos de ‘lista âmbar’, que identifica como risco médio.

O Governo de Londres está receptivo a uma nova abordagem do sistema e há informações de que estão a ser consideradas propostas que poderão potencialmente, se implementadas, permitir aos cidadãos que já receberam as suas duas doses das vacinas contra a covid-19 ficarem isentos da medida, embora tenham de continuar a realizar testes.

Se houver acordo entre os pontos de vista defendidos pelos cientistas do serviço nacional de saúde britânico e as autoridades governamentais, admite-se uma revisão do sistema até final do mês, antes de 19 de julho, data determinada para nova revisão das restrições prorrogadas nesta semana (LINK notícia relacionada).

 

  • Foto © Aeroporto de Londres Heathrow

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica