Parte da produção da Airbus em Espanha interrompida até 9 de abril 

Na sequência das novas medidas anunciadas pelo Governo de Espanha, que estarão em vigor até 9 de abril e restringem todas as atividades que não são consideradas essenciais face à pandemia de covid-19 que assola o País, alguns dos sectores de produção da Airbus irão interromper a sua atividade, anunciou nesta segunda-feira, dia 30 de março, a construtora aeronáutica europeia.

Atividades fundamentais, como apoio aos serviços de Segurança, IT e Engenharia para aviação comercial, helicópteros, defesa e aeroespacial, irão continuar a funcionar sob rigorosas medidas sanitárias e de segurança implementadas pela Airbus para proteger os seus colaboradores da COVID-19. Todas as outras atividades serão interrompidas até 9 de abril, data em que se prevê o levantamento das restrições.

A Airbus refere em comunicado, distribuído desde a sua sede, em Toulouse (França), que irá trabalhar de perto com os seus parceiros sociais para aplicar as medidas necessárias de acordo com as mais recentes restrições. Os colaboradores da Airbus em Espanha, cujos postos de trabalho não estão ligados às atividades de produção e montagem e podem trabalhar remotamente, continuarão a apoiar a continuidade do negócio da Airbus neste período difícil.

O encerramento temporário das instalações em Espanha afetará a produção dos aviões militares logísticos A400M, MRTT e C-295, assim como dos helicópteros NH-90 e Tiger.

 

  • Mais notícias sobre a pandemia do Novo Coronavírus/Covid-19 – LINK

 

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica