Sindicato aprova novo Acordo de Empresa para os pilotos da Portugália Airlines

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

O Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) aprovou o novo Acordo de Empresa (AE) para a Portugália Airlines, empresa do grupo TAP, com 85% de votos favoráveis, anunciou a estrutura.

“O SPAC – Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil realizou uma reunião com os pilotos da Portugália, na sexta-feira, dia 13 de outubro, para aprovação do novo Acordo de Empresa (AE). Este acordo, fruto de negociações recentes com a administração da companhia, recebeu o apoio expressivo de 85% dos pilotos presentes”, informou, em comunicado, citado pela agência ‘Lusa’.

De acordo com a mesma nota, o novo AE estabelece condições de trabalho unificadas para os pilotos dentro do Grupo TAP, o que não se verificava desde a aquisição da Portugália em 2007 e, segundo o SPAC, “resultando em benefícios para os pilotos e para a empresa, mas também em substanciais melhorias operacionais”.

O novo AE, prosseguiu, possibilita “uma maior disponibilidade de pilotos para lidar com situações de atrasos e cancelamentos, agora mais frequentes do que no passado, decorrentes das limitações do aeroporto de Lisboa e da fragilidade da frota da Portugália face às exigências da rede TAP”.

O sindicato realçou ainda o “ambiente de trabalho mais equilibrado” que a nova administração de Luís Rodrigues assegurou “em pouco tempo”, “promovendo a justiça e a igualdade entre os pilotos do grupo TAP, num feito sem precedentes até o momento”.

 

  • Foto de abertura © True Noord.

 

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

KC-390 da FAP ganha prémio mais importante em festival internacional no Reino Unido

Um avião KC-390 Força Aérea Portuguesa (FAP) foi distinguido...

Pilotos da TACV marcam greve de uma semana partir de 24 de julho

Os pilotos da TACV – Transportes Aéreos de Cabo...

Governo reuniu-se com a ANA para preparar o projeto do Novo Aeroporto de Lisboa/Luís de Camões

O ministro das Infraestruturas e Habitação e o secretário...